Você sabe o que é Educação Ambiental? Você possui um empreendimento? Trabalha em escolas? Tem interesse em implantar mudanças em prol do meio ambiente? 

 Foto: Rawpixel.com / Shutterstock.com

A Educação é uma ferramenta transformadora na vida de qualquer indivíduo. Não só pelo fato de formar profissionais, mas também, por buscar uma conscientização da sociedade. A Educação Ambiental tem o objetivo de promover mudanças de comportamento, voltadas para a conservação do meio ambiente.

Devido ao crescimento industrial e econômico, o ambiente sofreu inúmeros impactos, visíveis até os dias de hoje. A preocupação do homem moderno era apenas expandir, sem se preocupar com o equilíbrio ecológico e com as consequências disso tudo. Mas em meados do século XX, a Educação Ambiental começou a ficar em evidências por conta, principalmente, da escassez de recursos naturais. Desde então, a conscientização, a busca por uma melhoria no nosso ambiente vem sendo trabalhada dia após dia, depositando na Educação Ambiental, uma solução para esses problemas.

Fonte:  imagem pixabay
Fonte: Fotos593 / Shutterstock.com

Mas para começar: qual é a definição de educação ambiental (EA)? De acordo com a Política Nacional de Educação Ambiental (PNEA), educação ambiental é o processo pelo qual a sociedade constrói habilidades, conhecimento e atitudes voltadas à preservação do meio ambiente, o que é essencial para uma boa qualidade de vida.

Bom, mas para chegarmos a ter uma PNEA no Brasil, o mundo precisou passar por vários processos de evolução até atingir o patamar de conscientização ambiental que temos hoje, e ainda, precisamos passar por vários outros para alcançarmos um desenvolvimento seguro para gerações futuras. 

A educação ambiental é praticada há um bom tempo, mas o termo “educação ambiental” surgiu no anos 70. Um grande marco para a história da educação ambiental foi no ano de 1972, em que se deu o acontecimento da Conferência de Estocolmo, na Suécia, onde 113 países se reuniram para estabelecer um padrão global de visões e princípios para a preservação e melhoria do ambiente humano. Este encontro gerou diversos conflitos com o Brasil, pois o país defendia que para se desenvolver era necessário poluir.

Organização das Nações Unidas (ONU)
Fonte: ONU/Wikimedia Commons
Fonte: https://www.todoestudo.com.br/geografia/conferencia-de-estocolmo

A partir da Conferência de Estocolmo, diversas atitudes foram tomadas em relação a EA. 

As principais atitudes tomadas em relação a EA no Brasil se deram em 1973, após a Conferência de Estocolmo, com a criação do 1º  órgão federal de gestão ambiental, a SEMA (Secretaria Especial do Meio Ambiente). A conquista mais relevante se deu em 1999, com assinatura da lei nº 9.975 de 27 de abril de 1999, pelo então presidente Fernando Henrique Cardoso, que criou o Programa Nacional de Educação Ambiental (PNEA) e a Política Nacional de Educação Ambiental, que tem como intuito “planejar, executar e avaliar políticas públicas orientadas ao enraizamento da educação ambiental para mudanças culturais em todo o país”.

E temos então, como forma de mostrar a EA mais presente, a assinatura da lei 12.633, da ex-presidente Dilma Roussef, estabelecendo o dia 3 de junho como do Dia Nacional da Educação Ambiental.

Nós, da GaiaJr., acreditamos que a Educação Ambiental é uma mistura de desconstrução e construção, sendo necessário levar em conta a realidade de cada cidadão, mas, todos pelo mesmo propósito: cuidar do planeta em que vivemos. Cada setor pode colaborar da sua maneira para essa mudança, como as escolas, as indústrias, o comércio, buscando incentivar e cultivar valores em prol do nosso ambiente. Você possui uma empresa? Indústria? Ou trabalha em alguma escola? Que mudança fizeram buscando cuidar do nosso planeta

Fonte: Fotos18397 / Shutterstock.com

A implementação da Educação Ambiental (EA) é um processo longo e duradouro que deve ser incluído em toda a sociedade, independentemente das características dela. Para a realização da EA utiliza-se mecanismos como, palestras, dinâmicas, aulas… com temas específicos, para estimular a conscientização do indivíduo. 

Atualmente, grandes assuntos são abordados pela Educação Ambiental, sendo eles: redução do uso de água, substituição das fontes de energia fóssil por energia renovável, economia de energia, além de outros diversos fatores que tornam nossas atividades mais sustentáveis. 

Para empresas e empreendimentos que prezam por uma boa gestão, a Educação Ambiental é de suma importância, pois proporciona aos colaboradores um ambiente mais agradável e, com isso, um melhor desempenho em suas atividades. Para isso a GaiaJr. tem uma equipe preparada para fornecer um treinamento de qualidade, por meio de vídeos, palestras, dinâmicas, tudo de acordo com a sua necessidade. 

Projeto de educação ambiental no Green Açaí, Londrina-PR

De acordo com a carta de Belgrado, a Educação Ambiental deve ser multidisciplinar, ou seja, deve ser inserida de alguma forma em todos os âmbitos acadêmicos. Dessa forma, levamos para as escolas inúmeras propostas de como implantar a EA em todas as matérias, para fazer com que os alunos entendam que o cuidado com o meio ambiente deve estar presente em todos os momentos, não só em uma matéria ou lugar específico.

Para que a EA seja efetiva, lembre-se de que é preciso estudar toda a situação e o contexto em que se é aplicado. Em tempos de pandemia, por exemplo, a realização presencial se tornou inviável, visando o zelo da saúde dos membros e também dos clientes. Visto isso, a GaiaJr. realizou a EA de forma remota, por meio de um vídeo bem dinâmico e com um contato virtual quase diário, para avaliar a adaptação dos funcionários, as mudanças, as melhorias, propor correções e incentivando nossos clientes a serem nossos parceiros nessa jornada. 

Caso tenha interesse em saber um pouco mais sobre como implantar uma Educação Ambiental, entre em contato conosco, será um prazer estarmos juntos nessa!!