Hoje, o consumo excessivo de produtos industrializados tem crescido consideravelmente. Muitas pessoas não possuem controle, gastando sem nem mesmo estarem precisando, sendo muitas vezes influenciadas pelas mídias, por meio de uma imensidão de informações que visam ao consumo.

Essa relação do consumo na sociedade, tem causado muitos danos ao meio ambiente. Quanto mais pessoas compram, mais é produzido, levando ao acúmulo de objetos, e gerando mais resíduos.

Mas por outro lado, alguns indivíduos vêm esse consumo excessivo como um problema, e querem fazer algo para mudar. É aí que tratamos sobre o consumo consciente.

O que é o consumo consciente?

Nada mais é do que entender como todo o processo de produção afeta o meio ambiente e o consumidor, além de comprar o necessário, ou então, comprar um produto de acordo com sua durabilidade e reutilização. Ao comprar um produto, toda a cadeia produtiva está sendo incentivada a continuar a sua maneira de produção devido a procura existente por seus produtos. Quando se compra uma bicicleta, por exemplo, está envolvido o método realizado para conseguir o metal, o consumo de água, a produção do plástico, a fabricação dos pneus etc.

O consumidor deve entender como o seu poder de compra pode afetar o mercado e, escolhendo uma empresa sustentável, os atos ambientalmente corretos realizados por essa empresa são valorizados e incentivados. O consumo exagerado também gera uma grande quantidade de resíduos no ambiente, os quais poderiam ser evitados. Dessa forma, é possível minimizar os problemas ambientais do nosso planeta a partir das nossas compras. Mas, como ser um consumidor consciente?

Como ser um consumidor consciente?

O pensamento sustentável tomou uma grande proporção na chamada Agenda Ambiental, produzida pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA). A agenda consiste numa ferramenta que auxilia na incorporação da responsabilidade socioambiental e sustentável em todo o território brasileiro. Na Agenda Ambiental foi desenvolvida a política dos 5Rs, que consiste no ato de repensar, reduzir, recusar, reutilizar e reciclar a produção de resíduos. Utilizando o conceito dos 5Rs, iremos dar algumas dicas de como aplicá-las no seu dia a dia e de como se tornar um consumidor sustentável.

Outra dica é fazer uma composteira caseira, e reutilizar o resíduo orgânico que você gera em sua casa para fazer um adubo para sua horta. Assim, você não só contribui com o meio ambiente, como também reduz custos, pois você estará consumindo alimentos que você mesmo plantou!

‌ Neste vídeo ensinamos um pouco sobre a compostagem:

Em virtude dos fatos mencionados, somos levados a aceitar que o pensamento sustentável é uma das melhores formas de transformar a sociedade. É desejo de todos nós que algo seja feito no sentido de amenizar ações que prejudicam o meio onde vivemos, levando a construir um mundo que, seja sustentável e ecológico de maneira consciente, transformando todo o sistema atual, gerando menos gastos e mais sustentabilidade.

Seguindo todas essas dicas que demos, você se tornará um consumidor mais consciente, além de contribuir para um planeta melhor para todos. 

Gostou desse post? Comenta aqui o que você achou, e compartilhe com seus amigos!

Assista também: